Guamare News

Vídeo conferência: Estado inicia realização de audiências criminais por videoconferência

Pela primeira vez no Rio Grande do Norte foram
realizadas audiências criminais sem o deslocamento dos internos do Sistema
Prisional para a comarca específica, evitando o emprego do transporte
especializado do Grupe de Escolta Penal (GEP) ou outro tipo de transporte das
unidades prisionais.
A primeira audiência através de videoconferência
foi realizada nesta quarta-feira (06) na Penitenciária de Alcaçuz, a maior do
Estado, e tomou o depoimento de 25 internos. O titular da Secretaria de Estado
da Justiça e da Cidadania (Sejuc), Cristiano Feitosa informa que “A Sejuc
está agindo com seus parceiros para viabilizar essa tecnologia. As primeiras
audiências criminais por videoconferência foram um sucesso. Faremos em outras
unidades até que seja comum esse procedimento. A medida inédita no Estado
representa mais economia para a Sejuc e para o Estado do RN, e mais segurança
para o Judiciário e para a sociedade como um todo”.

A economia de tempo e de dinheiro se dá pela
redução do número de agentes mobilizados para manter a segurança nos fóruns,
combustível e manutenção dos veículos usados no transporte dos internos. A nova
tecnologia pode representar, ainda, mais agilidade nos processos, já que muitas
vezes as audiências presenciais não se realizam por motivo de segurança.

As videoconferências no sistema prisional também
serão realizadas em outras unidades como o Complexo Penitenciário João Chaves,
a Cadeia Pública de Natal, ambos na Zona Norte da capital e na Penitenciária
Estadual de Parnamirim.
Sejuc
Publicidade

Comente!!! Participe de nosso blog!!!