O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, se filiou nesta quarta-feira (27) ao PSD, partido do ex-ministro e ex-prefeito de São Paulo Gilberto Kassab. O partido quer lançar Pacheco ao Palácio do Planalto nas eleições de 2022. Em nota, o partido já disse que Kassab defende o nome do presidente do Senado para disputar o comando do Palácio do Planalto. Pacheco