Televisão: Galvão diz que Globo não gostou de acordo com CBF e lamenta Arnaldo vetado

📸 Flow Podcast

Mesmo fora da Globo, Galvão Bueno vai ser a voz da Seleção Brasileira na primeira partida após a Copa do Mundo do Catar. O narrador aproveitou que a emissora carioca não comprou os direitos do amistoso contra Marrocos e fechou acordou para transmitir a partida deste sábado, 25, em seu canal no Youtube.

Porém, a Globo atrapalhou os planos de Galvão ao vetar a participação de Arnaldo Cezar Coelho na transmissão do narrador. O ex-árbitro e comentarista de arbitragem tem participação em uma afiliada da família Marinho no Sul do País e não foi liberado para voltar a trabalhar ao lado do amigo.

Durante entrevista ao Flow Podcast, Galvão lamentou a decisão da antiga casa: “A Globo não gostou muito, mas o que eu posso fazer? E ainda tenho contrato com a Globo. Só fiquei chateado com a proibição do Arnaldo [Cesar Coelho] participar comigo. O Arnaldo não tem mais contrato com a Globo desde 2018, mas ele tem uma televisão que é afiliada. No contrato lá de trás, não pode participar de nada sem aprovação e depois as coisas mudaram, mas o contrato dele tem 32 anos. Não sei o que houve. Ficaram chateados.”

“A primeira pessoa que eu falei quando surgiu isso foi o Arnaldo. As aspas dele foram as seguintes “claro que pode, Galvão”. Então, ele ficou feliz da vida, eu também… Eu lamento porque não era pra ele trabalhar comigo. Era um momento de juntar uma dupla que trabalhou 30 anos juntos. Nós somos amigos mesmo. O combinado era fazer o jogo no sábado, pular no avião e botar ele pra colher na vinícola. Deixa pra lá, toca em frente”, completou.

Na entrevista, Galvão mostrou preocupação em deixar claro que nunca disse que iria se aposentar após o Mundial do Catar e que apenas estava deixando a Globo. “Deixei muito claro, eu falei em todas as entrevistas que dei antes da Copa do Mundo, que disse que seria a minha última Copa do Mundo [na Globo]. Eu só tenho a agradecer a Globo, uma relação de confiança mutua e sabendo a importância que tinha no trabalho. Eu sempre tive a liberdade de falar o que queria. Eu fui a única pessoa até hoje a fazer comentários no Jornal Nacional ao vivo, não fazer reportagem. Então, sempre foi uma relação e confesso que algumas vezes falei com as palavras da família Marinho, porque era um editorial que precisava ser feito”, explicou.

O narrador ainda detalhou como surgiu o interesse em transmitir a partida da Seleção. “Quando eu soube que a Globo não ia comprar o jogo da seleção por questão de horário, me senti à vontade e aí é o maior barato porque não sei quando vai ser a outra. O canal não vai ser para transmissão, porque vai ter programa de automobilismo com meu filho Cacá Bueno, multicampeão, vou fazer programa sobre futebol, mas agora voltar com jogo da Seleção Brasileira?”, contou.

Com Arnaldo vetado, Galvão convidou Sandro Meira Ricci e Fernanda Colombo, que foram demitido nesta semana da Globo, para transmissão. Além deles, Walter Casagrande e Cristiane também estarão presentes. O narrador também tentou trazer Falcão, para reeditar a equipe que fez sucesso pela Globo no final da década de 1990 e começo dos anos 2000, mas o ex-jogador recusou por compromissos com o Santos.

Terra

Pagode_&_Compania_Entre
GuedesMotos
Almoçando com Musicas_Movel
SindSerg_Lateral
CX_Radios_Fixo
App
MercadinhoDeusProvera
HSHOT_500
LBV_Lateral
Almoçando com Musicas
Radio_Box_Fixo
Pagode & Cia_Lateral
RadiosNet_Fixo
Drogaria Betesta
Ediuny_Oliveira_Live
Casa Durval Paiva_Fixo
Guedes-Motos
Anuncie Aqui
Eduardo-Auto-Pecas
Radios_Online_Fixo
EliasRaioX
Copiadora-Miranda_Banner_B
Pizzaria_Hamburgueria_AguasMare
Show da Manha
JM-VARIEDADES