Saúde: Uso de muletas em pacientes com osteossarcoma

Uso de muletas em pacientes com osteossarcoma / Créditos da foto: Divulgação
  • Por: Cinthia Moreno – Fisioterapeuta Casa Durval Paiva – CREFITO 83476-F

Pacientes com lesões, deformidades, amputações ou algum problema na locomoção, que seja temporário ou permanente, podem ter necessidade do uso de muletas. Esses dispositivos promovem suporte e equilíbrio, dando mais estabilidade, durante a marcha (caminhada).

Com um tumor ósseo, o paciente tem risco de fratura, pois o tumor pode causar fragilidade óssea. Por este motivo, quando o tumor acomete o membro inferior (coxa, perna ou pé), desde o momento do diagnóstico, é importante protegê-lo, aliviando a descarga de peso sobre ele e iniciar a marcha com muletas.

Alguns pacientes são logo estimulados a comprar ou pegar muletas emprestadas com algum familiar ou amigo, mas o ideal é que a orientação sobre o tipo de muleta, seu ajuste e a forma correta de usá-la seja feita pelo fisioterapeuta, pois a muleta emprestada pode não ser adequada e em vez de benefício, pode causar prejuízo, como quedas ou dores no corpo.

Após avaliação e indicação do tipo de muleta, é preciso ajustar a altura, para que ela fique adequada ao paciente. Depois, deve ser feito o treino, para que o paciente caminhe de forma correta. Se for com uma muleta, ela deve ser usada do lado contrário, por exemplo, se a lesão for do lado direito, a muleta deve ser utilizada do lado esquerdo.

Usando o par de muletas, elas devem fazer contato com o solo junto com o membro afetado, para, assim, oferecer mais suporte e alívio de carga. O paciente também deve treinar para sentar, levantar, subir e descer escadas.

É importante que o paciente deve ter zelo com a manutenção das muletas. É fundamental limpar de forma adequada, seguindo as orientações do fabricante, verificar o desgaste dos pinos e da ponteira para que a troca seja feita, evitando acidentes.

Quando se tem alguma condição que reduz a mobilidade, além de promover suporte e segurança, as muletas favorecem a independência para marcha, o que reforça também a autonomia do paciente. Todos os que tem uma condição que as muletas sejam indicadas, o uso correto deve ser estimulado.

Da Redação

Drogaria_Betesda_Movel
WebRadio_APP
Casa Durval Paiva
Eduardo-Auto-Pecas
LBV_Lateral
Pizzaria_Hamburgueria_AguasMare
JM-VARIEDADES
SindSerg_Lateral
Anuncie Aqui
Almoçando com Musicas
MercadinhoDeusProvera
Pagode & Cia_Lateral
Guedes-Motos
Radio_Box_Fixo
Sao_Joao_Monsenhor
CX_Radios_Fixo
Copiadora-Miranda_Banner_B
Ediuny_Oliveira_Live
Show da Manha
RadiosNet_Fixo
App
Radios_Online_Fixo
EliasRaioX
Casa Durval Paiva_Fixo
HSHOT_500
Drogaria Betesta