Saúde: Hospital Walfredo Gurgel deverá demorar 30 dias para zerar a fila nos seus corredores

Foto Alexis Régis

Com o retorno dos anestesistas que tinham paralisado suas atividades há quase um mês, a diretoria do Hospital Walfredo Gurgel, maior hospital público do Rio Grande do Norte, prevê que nesse fim de semana o atendimento deve ser regularizado para que a fila de pacientes à espera de cirurgias em macas pelos corredores se normalize em até um mês.

Isso deve ocorrer a partir de uma força-tarefa com o auxílio do Hospital Deoclécio Marques, em Parnamirim, que deve dobrar sua capacidade interna de procedimentos. Os anestesistas prometem cooperar, intensificando o trabalho nos próximos dias.

A paralisação desses profissionais cessou com o pagamento do débito do governo do Estado à Cooperativa do Anestesiologistas do Rio Grande do Norte (Coopanest-RN). De acordo com a Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap/RN), o pagamento foi efetivado na tarde da quinta-feira (12), seguindo o mesmo padrão rotineiro. Foi exigido que os anestesistas retomassem os serviços de maneira urgente e imediata.

“O retorno é imediato e trabalharão em alta produtividade para agilizar as cirurgias. O Hospital Walfredo Gurgel continuou realizando as cirurgias, tendo ficado sem a retaguarda dos hospitais parceiros que atuam com os anestesiologistas da Coopanest, o que ocasionou a superlotação”, explicou o médico Tadeu Alencar, diretor do Walfredo.

Tribuna do Norte

JM_Variedades_Movel
Almoçando com Musicas_Movel
WebRadio_APP
Drogaria Betesta
Almoçando com Musicas
HSHOT_500
Guedes-Motos
Pizzaria_Hamburgueria_AguasMare
JM-VARIEDADES
Ediuny_Oliveira_Live
Show da Manha
Anuncie Aqui
RadiosNet_Fixo
MercadinhoDeusProvera
Eduardo-Auto-Pecas
CX_Radios_Fixo
Radios_Online_Fixo
MiniprecoFixo
Cartão
Radio_Box_Fixo
AlphaColor_Lateral
OpticaEmporio
Copiadora-Miranda_Banner_B
DN_Servicos_Fixo_2
Pagode & Cia_Lateral
Casa Durval Paiva_Fixo
App