Politica: Prefeito nega medicamento porque Bolsonaro perdeu

Foto Fabio Kamoto

O prefeito de Marcelino Vieira, Kerles Jácome Sarmento, o “Babau” (PSD), disse que não vai mais distribuir medicamentos para a população carente da cidade porque o presidente Jair Bolsonaro (PL) não conseguiu a reeleição.

“Não estou podendo dar remédio a ninguém”, disse. “Agora o presidente, eu tinha muita ajuda, eu não sei se vai ter ajuda a partir de janeiro”, justificou.

Ele criticou a governadora Fátima Bezerra (PT). “Governadora nunca fez nada por mim, mas não vale nada, que ela ganhou de novo”, lamentou.

Em Marcelino Vieira, Lula venceu por 4.754 (87,09%) votos contra 705 (12,91%) de Bolsonaro.

Vale lembrar que foi o governo Bolsonaro quem cortou 59% dos recursos do programa Farmácia Popular, criado no governo Lula, para destinar a verba para o orçamento secreto, que tem sido alvo de denúncias de desvios de recursos, sobretudo na área da saúde.

Confira o áudio extraído do Blog Grupo Cidadão 190 da cidade de Pau dos Ferros (RN):

Blog do Barreto

Mercadinho Deus Proverá
Ediuny_Oliveira_Movel
Optica_Emporio
Drogaria Betesta
Radio_Box_Fixo
Show da Manha
MiniprecoFixo
HSHOT_500
Anuncie Aqui
Banner 87
JM-VARIEDADES
OpticaEmporio
CX_Radios_Fixo
App
Copiadora-Miranda_Banner_B
Pizzaria_Hamburgueria_AguasMare
Ediuny_Oliveira_Live
DN_Servicos_Fixo_2
Cartão
RadiosNet_Fixo
Guedes-Motos
Radios_Online_Fixo
Eduardo-Auto-Pecas
MercadinhoDeusProvera