Policia: Quadrilha invade cidade do interior, explode agencia bancaria, e fazem moradores reféns

Agência foi destruída pelos criminosos em Canguaretama, no litoral do RN — Foto: Reprodução/Inter TV Cabugi

O vigilante da agência bancária explodida por criminosos na madrugada desta quinta-feira (1º) no município de Canguaretama, no litoral Sul do Rio Grande do Norte, se escondeu no próprio prédio atacado durante a ação dos bandidos, que chegaram a fazer reféns na cidade.

O profissional não foi encontrado pela quadrilha durante o ataque à agência e saiu sem nenhum ferimento. O vigilante, que preferiu não se identificar, contou à reportagem da Inter TV Cabugi que decidiu se abrigar na agência após perceber o “poder de fogo” dos bandidos.

“Eu estava dentro da agência, quando vi uma movimentação e corri para a frente, achando que fosse vandalismo. Quando percebi, vi que era um poder de fogo muito maior que o meu. A orientação é: se o seu poder de fogo não compete, então você tem que procurar suporte. Então, se abriga e faz os procedimentos que são feitos no treinamento da empresa”, contou.

Segundo o vigilante, que é contratado de uma empresa terceirizada, os criminosos perceberam o momento em que ele saiu e retornou ao prédio. Assim, quando invadiram a agência, o procuraram, mas sem sucesso.

“Eles me viram e, tanto vieram para a área do cofre e tesouraria, como à minha procura. Como eu estava bem abrigado, não me encontraram, atiraram dentro da agência, reviraram tudo, e eu só consegui sair depois que aliviou”, relatou.

O segurança relatou que passou momentos difíceis durante a invasão dos criminosos, mas que conseguiu colocar o plano em prática.

SuperMercado-Cavalcante
JM_Variedades_Movel
Ediuny_Oliveira_Movel
App
Guedes-Motos
Radio_Box_Fixo
Pizzaria_Hamburgueria_AguasMare
JM-VARIEDADES
CX_Radios_Fixo
MercadinhoDeusProvera
Drogaria Betesta
Anuncie Aqui
Copiadora-Miranda_Banner_B
Radios_Online_Fixo
RadiosNet_Fixo
OpticaEmporio
MiniprecoFixo
Banner 87
Cartão
Eduardo-Auto-Pecas
Ediuny_Oliveira_Live
HSHOT_500
DN_Servicos_Fixo_2