Guamare News

Petista Tarso Genro critica Joaquim Barbosa e “protagonismo excessivo” do STF

O governador do Rio Grande do Sul, Tarso Genro (PT), criticou nesta quarta-feira (31) o presidente do STF (Supremo Tribunal Federal), Joaquim Barbosa, e disse que há um “protagonismo excessivo” da direção da Corte. O petista comparou, sem enumerar, a quantidade de entrevistas que o presidente da Suprema Corte americana concede com o número de aparições na mídia dos ministros do STF. Defendeu uma “postura de reserva” no Judiciário e nas polícias.
“Qual é o protagonismo que se outorga aqui aos membros do Supremo, do Superior Tribunal de Justiça e às vezes aos tribunais regionais? Por que outorgar um protagonismo a determinadas pessoas, excluir outras, e estabelecer uma relação de promoção midiática dessas figuras? Há interesses por trás disso.”
Tarso fez as afirmações em discurso durante evento sobre corrupção, em Porto Alegre, que contou com as presenças dos ministros José Eduardo Cardozo (Justiça) e Jorge Hage (Controladoria Geral da União). No último domingo (28), em entrevista ao jornal “O Globo”, o presidente do STF, Joaquim Barbosa, afirmou que não será candidato e que haveria “intolerância” contra um negro na Presidência.
Fonte: Folha de São Paulo
Publicidade

Comente!!! Participe de nosso blog!!!