Musica: Wesley Safadão volta a adiar show após sentir dores na coluna

Wesley Safadão fez cirurgia para retirada de hérnia de disco em São Paulo (SP). — Foto: Reprodução/Instagram

O cantor Wesley Safadão informou por meio das redes sociais que precisou remarcar um show porque voltou a sentir dores na coluna. A apresentação aconteceria nesta segunda-feira (19), no Rio Grande do Sul. O artista sofre com hérnia de disco, e já precisou alterar a data de eventos entre junho e julho de 2022. Safadão, inclusive, precisou de internação e cirurgia para tratar o problema.

“Vocês acreditam que eu acordei com a coluna travada de novo? Estou indo ao médico para fazer uma manipulação aqui. Não estou nem acreditando em uma coisa dessa”, lamentou o cantor em vídeo nas redes sociais.

O show está marcado para a cidade de Bom Princípio, no Rio Grande do Sul, e foi transferido para o próximo sábado (24). O artista garantiu que os ingressos comprados vão valer na próxima data.

“Meu Deus, estava me sentindo tão bem, gente. Pulei tanto num show esses dias. Travou. Estou sem acreditar.”, comentou Safadão.

O cantor ficou internado em São Paulo (SP) após realizar cirurgia como parte do tratamento da hérnia de disco. O procedimento ocorreu após o artista quase sofrer com síndrome da cauda equina, uma consequência rara do problema nos discos.

Conforme o médico ortopedista Plínio Linhares, especialista em coluna pelo Instituto Nacional de Traumatologia e Ortopedia, a síndrome da cauda equina é consequência de um problema que atinge um grupo de nervos localizado dentro do canal espinhal. O grupo recebe esse nome pela semelhança à cauda de um cavalo.

A cauda equina é composta, apontou o especialista, pelos nervos lombares e sacrais. “A síndrome ocorre quando esse grupo de nervos é comprimido”, explicou Linhares, acrescentando que a causa mais comum dessa ocorrência é a hérnia de disco. No entanto, o problema pode ocorrer, também, por tumores, infecções, traumas e fraturas na coluna.

g1

Pagode_&_Compania_Entre
Foto divulgação

No Rio Grande do Norte a campanha nacional de vacinação contra a poliomielite, iniciada em agosto, alcançou o percentual de 34,84% de cobertura vacinal, o que representa 64.707 doses aplicadas em crianças de 1 a menores de cinco anos de idade. A campanha segue até 30 de setembro e a expectativa é vacinar 95% das crianças nessa faixa etária.

Através de dados gerados pelo portal RN+Vacina, até o meio-dia desta segunda-feira (19), somente nove municípios do estado atingiram essa meta: Monte das Gameleiras, Fernando Pedroza, Caiçara do Rio do Vento, Santana do Seridó, São José do Seridó, Água Nova, Francisco Dantas, José da Penha e Severiano Melo.

Dos municípios da Região Metropolitana de Natal, Extremoz alcançou a marca de 50,21% de cobertura vacinal, São Gonçalo do Amarante está com 27,24%, seguido por Parnamirim com 25,53%, Macaíba com percentual de 24,67% e a capital, Natal, com 18,48% – o que representa 7.594 doses aplicadas no município. Oitenta e oito municípios do RN estão com a meta abaixo dos 50% e outros 70 municípios estão com percentual que varia dos 50 aos 94,99%.

De acordo com Kelly Lima, coordenadora de vigilância em saúde da Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap), o cenário de coberturas vacinais contra a poliomielite é preocupante. Desde 2017 o RN não vem conseguindo atingir o percentual de cobertura para a pólio estipulado pelo Ministério da Saúde. Em 2021, o número foi de 69,88%; em 2020 um total de 69,7%; em 2019 atingiu 80,74%; em 2018 obteve 90,32% e chegou aos 69,52% em 2017.

“Diante disto, elaboramos uma série de estratégias para que os municípios consigam efetivar na prática e que a gente mude esse cenário. Esta semana, de 19 a 26 de setembro, as escolas, CMEIS e creches devem promover a vacinação para as crianças; também orientamos a ampliação do acesso para que toda a população consiga vacinar seus filhos, seja com a abertura dos pontos de vacinação à noite ou em praças e supermercados, para que de fato a gente consiga a cobertura de 95% das crianças”, reforçou Kelly.

Casa Durval Paiva
Foto redes sociais

Em assembleia realizada na última sexta-feira (16), servidores da Enfermagem de Mossoró decidiram que irão aderir à Parada Nacional que acontecerá nesta quarta-feira (21), pela aprovação do Piso Nacional da categoria, suspenso por decisão do Supremo Tribunal Federal (STF).

Os atos serão iniciados a partir das 9h em frente ao Hospital Regional Tarcísio Maia e às 15h na Praça Rodolfo Fernandes (Praça do Pax), com caminhada pelas principais ruas do centro de Mossoró e sendo finalizada na Praça Cônego Estevam Dantas (a Praça dos Hospitais).

Em frente ao Hospital Regional Tarcísio Maia e o Hospital Rafael Fernandes, já foi colocada uma faixa pelo SINDSAÚDE – Regional de Mossoró, com a seguinte frase: “Na pandemia eu não parei, mas pelo piso agora eu vou parar”.

A presidente do Sindiserpum, Eliete Vieira, comentou: “o Piso Nacional da Enfermagem é uma luta de mais de 30 anos, não podemos recuar justamente em um momento em que estamos na iminência de ver esta vitória concretizada. Estamos todos unidos por este ideal e não poderíamos nos calar quando todo o país vai cobrar a efetivação desta conquista”.

AlphaColor_Lateral
Foto reprodução

O juiz federal auxiliar do TRE-RN, Carlos Wagner, indeferiu pedido feito pela coligação Muda RN, do candidato a governo do Estado, Fabio Dantas, para suspensão do decreto estadual da governadora Fátima Bezerra que destinou a obrigatoriedade de um percentual de acaba nas empresas contratadas pelo estado para apenados do sistema prisional.

O magistrado não seguiu os argumentos da oposição de supostas práticas de condutas Vedadas no período eleitoral e negou provimento.

” A preocupação da lei eleitoral, ao estabelecer essa conduta vedada do art. 73, § 10, como se observa na parte final do preceito (“programas sociais autorizados em lei e já em execução orçamentária no exercício anterior”), consiste em evitar adicionais dispêndios orçamentários de cunho oportunista e nitidamente eleitoreiro, que possam viabilizar a distribuição gratuita de bens, valores ou benefícios. Na política estadual de trabalho destinada à reserva de vagas a internos e egressos do sistema prisional nenhum recurso financeiro ou orçamentário a mais será disponibilizado, até porque o decreto estadual hostilizado apenas disciplina, no âmbito do Estado do RN, o regime e a sistemática do trabalho remunerado do preso à luz do art. 29 da Lei 7.210/1984 (Lei de Execução Penal)”.

A defesa da governadora Fátima Bezerra foi promovida pelos advogados André Castro e Altair Rocha.

Confira decisão: Baixar

AlphaColor_Lateral
Primeira parcela do 13º do funcionalismo público potiguar será paga em setembro e novembro, dependendo da faixa salarial do servidor — Foto: Augusto César Gomes/Inter TV Cabugi

O Governo do Estado do Rio Grande do Norte confirmou que o pagamento da primeira parcela do décimo-terceiro salário para os servidores da ativa, aposentados e pensionistas deve ocorrer no próximo dia 30 de setembro.

O Estado deverá seguir os mesmos critérios da folha mensal. O adiantamento de 30% da gratificação natalina contempla quem ganha até R$ 4 mil brutos, e todo o pessoal das forças de segurança, independente de faixa salarial. Já quem ganha acima de R$ 4 mil receberá a primeira parcela de 30% no dia 30 de novembro.

Os 70% restantes serão depositados em dezembro quitando, assim, o pagamento do décimo-terceiro de todos os servidores.

Quanto aos trabalhadores da Educação e dos órgãos da administração indireta, como Departamento Estadual de Trânsito (Detran), Instituto de Desenvolvimento Sustentável e Meio Ambiente (Idema) e Instituto de Previdência dos Servidores do Estado (Ipern), entre outros que têm arrecadação própria, o Governo do Estado informa que estes receberam a antecipação em junho.

g1

Almoçando com Musicas_Movel
Thabatta Pimenta foi barrada em banheiro de shopping — Foto: Reprodução

Uma mulher trans foi impedida de entrar no banheiro feminino de um shopping na Zona Sul de Natal na manhã desta terça-feira (20). Thabatta Pimenta, de 30 anos, relatou que foi barrada pelos seguranças do estabelecimento.

Segundo ela, os funcionários afirmaram que só a deixariam entrar após autorização do setor de supervisão do shopping.

A confusão na entrada do banheiro foi registrada em vídeos por pessoas que presenciaram o fato (veja vídeo acima). Nas imagens, é possível ver dois seguranças conversando com Thabatta e mais uma pessoa.

Em nota, o shopping Via Direta informou que está ciente da situação e que “os fatos estão sendo averiguados”. “Desde já salientamos que repudiamos toda forma de preconceito e discriminação”, completa a nota.

Thabatta Pimenta, que foi eleita vereadora de Carnaúba dos Dantas em 2020 e que é candidata a deputada federal neste ano, disse que o que ocorreu foi o “o maior absurdo” e que os seguranças chegaram a questionar sobre a carteira de identidade dela.

“Ainda fui questionada se o meu RG constava como mulher, ou seja, muitas violações”, relatou.

A mulher contou ainda que, além dela, outras mulheres trans que a acompanhavam foram barradas. Thabatta disse que tomará as medidas cabíveis para que o shopping seja responsabilizado.

“Não queremos que nenhuma outra pessoa trans seja violada desta forma, chega de discriminação”.

g1

AlphaColor_Lateral
Februska Emanuely Ferreira tinha 34 anos e foi morta a tiros em João Câmara, RN — Foto: Facebook/Reprodução

A Justiça condenou o servidor público Anderson Cleiton Bezerra da Silva a 24 anos de prisão pelo crime de feminicídio contra a ex-mulher, Februska Emanuely Ferreira, no ano de 2019 na cidade de João Câmara, no interior do Rio Grande do Norte.

A condenação aconteceu em júri popular realizado nesta segunda-feira (19). Anderson é acusado de ter matado a ex-mulher com quatro tiros por não aceitar o fim do relacionamento. Februska tinha 34 anos e era servidora pública lotada no Hospital Regional de João Câmara.

A condenação por feminicídio foi pedida pelo Ministério Público do RN – Anderson é autor confesso do crime e vai cumprir pena em regime fechado.

Februska foi morta com quatro tiros. O crime foi cometido, segundo a Justiça, porque Anderson não aceitava o fim do casamento entre os dois – que durou 17 anos – e o fato de ela já estar em outro relacionamento. O casal teve dois filhos.

O crime

Polícia Militar isolou a área do assassinato em João Câmara, RN, e a Instituto Técnico-Científico de Perícia recolheu o corpo da mulher morta pelo ex-marido — Foto: Sérgio Henrique Santos/Inter TV Cabugi

O crime aconteceu no dia 17 de abrirl de 2019 em um bairro conhecido com o IPE, em João Câmara.

Segundo as investigações, o ex-marido de Februska foi até a casa dela, pegou os dois filhos do casal e levou para uma outra residência. Depois, foi ao encontro da ex-mulher e a matou.

Após o crime, o homem voltou até a casa onde deixou os filhos e saiu novamente com os filhos, que na época tinham 14 e 3 anos de idade. Os dois foram encontrados pela PM em um terceiro imóvel, já sem o pai.

g1

Copiadora_Miranda_Movel
Foto divulgação

Rafael Motta, candidato a senador pelo PSB, está mirando no eleitorado indeciso, convidando o eleitor a fazer um comparativo entre os candidatos ao Senado. 

Em peças veiculadas no rádio, na TV e nas redes sociais, Rafael questiona quem esteve ao lado do trabalhador durante o contexto das reformas e quem as promoveu ou as apoiou, referindo-se a Rogério Marinho (PL) e Carlos Eduardo Alves (PDT), respectivamente.

Rafael votou contra as reformas trabalhista e da Previdência, que foram promovidas por Rogério e apoiadas por Carlos Eduardo, conforme trechos de entrevistas divulgadas nas peças nas quais o candidato do PDT classifica as mudanças na CLT e na aposentadoria como “justas” e “necessárias”. 

O candidato do PSB também faz um comparativo com relação ao histórico de processos por improbidade administrativa. Enquanto ele não possui nenhum processo, os seus adversários explicam na Justiça questões ligadas ao exercício de funções públicas. 

No comparativo, Rafael também tem mencionado os mais de 100 projetos que apresentou enquanto deputado federal e os R$ 180 milhões em obras e ações realizadas no interior do Estado. 

“O maior argumento de um é não eleger o outro. Nós temos serviço prestado e um histórico de trabalho pelos municípios e pelas pessoas, com probidade e correção. E é isso que estamos mostrando aos eleitores”, explica Rafael sobre ação junto aos indecisos, que somam de 40% a 50% nas pesquisas de intenção de voto. 

Crédito da imagem: Brunno Martins 

Eduardo_Auto_Pecas_Movel
Show da Manha
MiniprecoFixo
Guedes-Motos
AlphaColor_Lateral
Almoçando com Musicas
Pagode & Cia_Lateral
Ediuny_Oliveira_Live
HSHOT_500
Drogaria Betesta
JM-VARIEDADES
MercadinhoDeusProvera
Copiadora-Miranda_Banner_B
RadiosNet_Fixo
DN_Servicos_Fixo_2
App
Cartão
Anuncie Aqui
Eduardo-Auto-Pecas
Pizzaria_Hamburgueria_AguasMare
Radio_Box_Fixo
OpticaEmporio
Casa Durval Paiva_Fixo
CX_Radios_Fixo
Radios_Online_Fixo

Mais visualizados

Links que indico