Juridico: TSE ordena exclusão de vídeo da reunião de Bolsonaro com embaixadores

Foto: Clauber Cleber Caetano/PR

O ministro Mauro Campbell, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), determinou, nesta quarta-feira (24/8), que a TV Brasil e as redes sociais retirem do ar o vídeo da reunião do presidente Jair Bolsonaro (PL) com embaixadores, realizada em 18 de julho.

No encontro com diplomatas, no Palácio da Alvorada, o mandatário da República voltou a levantar suspeitas sobre as urnas eletrônicas, repetiu argumentos já desmentidos por órgãos oficiais e reiterou que as eleições deste ano devem ser “limpas” e “transparentes”.

Após a reunião com embaixadores, diversos partidos da oposição questionaram o encontro na Justiça Eleitoral.

O Partido Liberal (PL), legenda de Bolsonaro, disse que o evento não configura propaganda eleitoral antecipada. O argumento foi o mesmo usado pela defesa do presidente, que alegou não ter caráter eleitoreiro a agenda com diplomatas.

Segundo Campbell, “o material veiculado em mídias sociais, em razão da proximidade do pleito, poderia, ainda, caracterizar meio abusivo para obtenção de votos, com o aumento da popularidade do representado, potencializada pelo lugar de fala por ele ocupado”.

“Há risco evidente de irreversibilidade do dano causado ao representante e à própria Justiça Eleitoral, no que tange à confiabilidade do processo eleitoral, em razão da disseminação de informações falsas, relativamente ao sistema de votação e totalização de votos, adotado há mais de vinte anos por este Tribunal”, escreveu o ministro.

Metrópoles

JM_Variedades_Movel
WebRadio_Site_Movel
WebRadio_APP
Radio_Box_Fixo
Eduardo-Auto-Pecas
Ediuny_Oliveira_Live
JM-VARIEDADES
Banner 87
Guedes-Motos
Pizzaria_Hamburgueria_AguasMare
Anuncie Aqui
Drogaria Betesta
MercadinhoDeusProvera
App
CX_Radios_Fixo
Copiadora-Miranda_Banner_B
HSHOT_500
RadiosNet_Fixo
Radios_Online_Fixo
Cartão
MiniprecoFixo
DN_Servicos_Fixo_2
OpticaEmporio