Estado: Bandido mata homem a tiros e leva mulher refém em Natal

Crime aconteceu na avenida Prudente de Morais, uma das mais movimentadas da capital potiguar — 📸 Lucas Cortez/Inter TV Cabugi

Um homem morreu após ser baleado na manhã desta quarta-feira (24), na avenida Prudente de Morais. O atirador ainda invadiu uma academia e fez uma mulher refém. Ele fugiu levando a vítima em um carro roubado. Segundo a Polícia Militar, ela foi solta na Zona Norte da capital.

(CORREÇÃO: ao publicar esta reportagem, o g1 errou ao informar que o homem foi baleado 12 vezes ao tentar proteger a mulher feita refém. Na verdade, segundo a polícia civil, ele foi atingido por dois tiros antes de a mulher ser feita refém. A reportagem foi corrigida às 13h55.)

De acordo com a Polícia Civil o homem foi baleado na rua, antes do criminoso invadir a academia. Em seguida, o bandido entrou na academia e efetuou outros disparos. Um instrutor da academia também ficou ferido, segundo a polícia. O caso aconteceu por volta das 9h no bairro Tirol, na Zona Leste de Natal.

De acordo com o capitão Lira, do 9º Batalhão da Polícia Militar, o criminoso chegou a pé ao local, entrou na academia, realizou disparos de arma de fogo e pegou uma mulher como refém.

“O pessoal da academia informou que escutou disparos, chegou esse cidadão correndo, adentrando a mesma e ameaçando os clientes. Tinha uma moça na recepção, ele puxou ela de refém e efetuou mais disparos dentro da academia, mandou o pessoal ficar abaixado. O pessoal ficou em pânico”, disse o capitão.

Após tomar a mulher como refém, o criminoso roubou um carro modelo Vectra de cor escura e usou a mulher como motorista. Ela foi liberada minutos depois em frente a um colégio no bairro Potengi, na Zona Norte, junto com o carro.

Tentativa de socorro

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado ao local do crime, na avenida Prudente de Morais, prestou atendimento ao homem baleado, mas ele não resistiu e morreu dentro da ambulância.

Segundo o médico do Samu, Valter Ferreira, o homem sofreu pelo menos dois disparos – um deles no abdômen e o outro na perna. Os profissionais tentaram reanimar o paciente por cerca de 34 minutos.

📸 Lucas Cortez/Inter TV Cabugi

“Possivelmente atingiu um grande vaso, houve um sangramento interno muito grande, a pressão foi a zero e isso foi causa de uma parada cardíaca. A gente tentou, de todas as formas, salvar essa vida, mas não conseguimos”, afirmou.

Ainda de acordo com a PM, um instrutor da academia ficou ferido com um tiro em uma perna e também foi socorrido.

Portal G1

Drogaria_Betesda_Movel
Copiadora_Miranda_Movel
WebRadio_APP
Casa Durval Paiva_Fixo
SindSerg_Lateral
MercadinhoDeusProvera
Pizzaria_Hamburgueria_AguasMare
Guedes-Motos
Eduardo-Auto-Pecas
LBV_Lateral
Radio_Box_Fixo
App
Pagode & Cia_Lateral
HSHOT_500
RadiosNet_Fixo
Radios_Online_Fixo
JM-VARIEDADES
Almoçando com Musicas
Show da Manha
Ediuny_Oliveira_Live
Anuncie Aqui
Drogaria Betesta
Copiadora-Miranda_Banner_B
CX_Radios_Fixo
EliasRaioX