Guamare News

Em Ofício DEPROV diz que Bruno foi preso e pagou fiança.

A informação vem do Blog Fogo Cruzado –
A situação do vereador Bruno Teodoro, do município de Pedro Avelino, que foi
preso com três veículos roubados, tende a se complicar cada vez mais.

Mesmo o vereador tendo
utilizado as redes sociais para dizer que não foi preso, mas apenas conduzido
para prestar esclarecimentos, e que não tinha conhecimento de que os veículos
por ele comprado eram produtos de roubos.
Diante à negativa do
vereador, que se espalhou rapidamente, a Delegacia Especializada em Defesa da
Propriedade de Veículos e Cargas [DEPROV], informou, através de ofício, que
Bruno foi preso e autuado em flagrante delito, pelo crime previsto no artigo
180, caput, do Código Penal Brasileiro, tendo sido liberado devido ao pagamento
de fiança no valor de R$ 6 mil.
A informação, em forma
de ofício, foi repassada para o juiz da vara única de Pedro Avelino, pelo
delegado da Polícia Civil, Atanázio Gomes da Silva.
E, pelo caminhar das
investigações, Bruno Teodoro poderá se complicar ainda mais, tendo em vista que
mais duas pessoas foram ouvidas nesta quarta-feira, 7, e disseram que haviam
comprado carros a Bruno. Um deles, em seu depoimento, disse que comprou um
carro a Bruno a mais de ano.
Ainda segundo as
informações, todos os veículos tinham placas frias, de veículos roubados. Já em
relação ao talão de pagamento da L200 Triton, este ainda se encontrava em nome
da vítima do roubo juntamente com o CRV do veículo.
Pela maior complicação
que tende a surgir no decorrer dos próximos dias, Bruno Teodoro poderá
terminando sendo enquadrado no crime de receptação qualificada, e tendo sua
prisão decretada.

Comente!!! Participe de nosso blog!!!