Economia: Porto de Natal sairá da rota da CMA CGM e perderá R$ 5 milhões por ano

Foto reprodução

Em um ano, o Grupo CMA CGM, empresa global em soluções marítimas, terrestres, aéreas e logísticas, deixará de operar no Porto de Natal.

A empresa já confirmou o desligamento à Companhia Docas do Rio Grande do Norte (Codern) e, se a estatal não conseguir atrair novos operadores, poderá reduzir as suas operações à metade, perdendo cerca de R$ 5 milhões por ano.

As exportações potiguares poderão migrar para portos do Ceará com a saída do porto natalense da rota da CMA, que vai operar apenas com navios acima de 200 metros, o que impossibilita manobras na foz do rio Potengi por falta dos sistemas adequados de defensas da Ponte Newton Navarro e também sua limitação de altura. O Governo do Estado informou que ainda não foi notificado.

A CMA-CGM, empresa francesa de transporte marítimo e conteinerização, é responsável por metade das operações no porto da capital potiguar.

Tribuna do Norte

JM_Variedades_Movel
LBV Campanhas
WebRadio_Site_Movel
OpticaEmporio
MiniprecoFixo
Copiadora-Miranda_Banner_B
Drogaria Betesta
Cartão
RadiosNet_Fixo
JM Variedades_Niver_1
Show da Manha
Ediuny_Oliveira_Live
Banner 87
HSHOT_500
Anuncie Aqui
Radios_Online_Fixo
Radio_Box_Fixo
Guedes-Motos
JM-VARIEDADES
Pizzaria_Hamburgueria_AguasMare
App
MercadinhoDeusProvera
CX_Radios_Fixo
DN_Servicos_Fixo_2
Eduardo-Auto-Pecas