Guamare News

Economia: País vive um processo de “empobrecimento”: cesta básica entra na inflação e sobe quase 27% em 12 meses

Foto reprodução

A cesta básica têm alimentos em sua composição que tiveram um aumento de 26,75% nos últimos 12 meses e subiram mais que o dobro da inflação oficial do Brasil, segundo medição pelo Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA).

Isso é consequência da inflação que eleva o preço de itens essenciais para as famílias brasileiras, principalmente, as mais pobres.

As informações foram levantas por Jackson Teixeira Bittencourt, coordenador do curso de Ciências Econômicas da PUC-PR, que formulou um Índice da Inflação da Cesta Básica, os dados fazem parte da sua pesquisa de estudos.

Alimentos como arroz, feijão, farinha, batata inglesa, tomate, açúcar cristal, banana prata, contrafilé, leite longa vida, pão francês, óleo de soja, margarina e café em pó, foram analisados e a evolução dos seus preços serviram como parâmetro para o Índice.

“Quando a gente fez um recorte para a cesta básica, percebemos que a inflação é muito maior nesses itens”, diz Bittencourt.

A inflação prejudica a economia do país e diminui a renda para consumo, além de afetar o orçamento das famílias.

Segundo o professor, o governo federal está omisso no combate a essa inflação estridente, mantendo estímulo ao consumo e elevando a inflação.

“Quem está combatendo a inflação no Brasil é só o Banco Central, que está subindo juros, tentando frear a demanda”, disse Jackson.

Estadão

Comente!!! Participe de nosso blog!!!