Guamare News

Economia: Aneel cria nova bandeira tarifária, e conta de luz fica ainda mais cara

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) anunciou nesta terça-feira (31) a criação de uma nova bandeira tarifária na conta de luz, chamada de bandeira de escassez hídrica. A taxa extra será de R $ 14,20 para cada 100 kilowatt-hora (KWh) consumidos e já entra em vigor a partir de 1º de setembro, permanecendo vigente até abril do ano que vem.

O novo patamar representa um aumento de R $ 4,71, cerca de 50%, em relação à bandeira vermelha patamar 2, até então o maior patamar, no valor R $ 9,49 por 100 kWh.

A decisão foi tomada em meio à crise hidrológica que afeta o nível dos reservatórios das usinas hidrelétricas, a principal fonte geradora de energia elétrica no país. De acordo com o governo federal, é a pior seca em 91 anos. Com as hidrelétricas operando no limite, é preciso aumentar a geração de energia elétrica por meio de usinas termoelétricas, que têm custo mais alto.

O ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque, garantiu que as medidas são suficientes para garantir a oferta.

“Nós trabalhamos para ter uma oferta suficiente para a demanda de todas as unidades consumidoras no país. Estamos presenciando a maior seca que o país, o Brasil, já passou. E isso com reflexos na capacidade dos nossos reservatórios das usinas hidrelétricas”, afirmou durante coletiva de imprensa para anunciar como novas medidas, em Brasília.

Ainda de acordo com o ministro, as medidas que são adotadas até agora estão surtindo o efeito, mas a situação ainda está longe da normalidade. “Nós estamos em condições melhores do que independentemente no início do mês de agosto. E isso mostra que as medidas estão surtindo efeito, mas ainda não nos levam a uma situação de normalidade ou mesmo de conforto, por isso que nós estamos adotando todas essas demandas “.

Segundo a Aneel, mesmo com o reajuste recente das bandeiras tarifárias, incluindo a criação do patamar 2 da bandeira vermelha, em junho, uma arrecadação extra para custear o aumento da geração de energia segue insuficiente. O déficit na conta de bandeiras tarifárias está em R $ 5,2 bilhões. Além disso, o Brasil importa importar energia de países, ao custo de R$ 8,6 bilhões.

Siga as nossas Redes Sociais:

📱Facebook => 📸Instagram <=> 🎙️SoundCloud <=> 📹Youtube <=>  💻Twitter <=> 📟Aplicativo Radio Web <=> 🪀Participe de nosso grupo do WhatsApp News 3 <=> Ouça a programa da Radio Web Guamaré News nos principais portais da internet que retransmite a programação => 📲Portal Radios Na Net <=> 📲Portal Radio Ao Vivo <=>📲Portal Radios Cast <=> 📲Portal CXRadio <=> 📲Portal As Melhores Rádios <=>📲Portal Rádios Na Net <=> 📲Portal RadioNet <=> 📲Portal OnlineRadioBox.

Comente!!! Participe de nosso blog!!!