Cidades: Má qualidade das estradas no RN causa prejuízo de até R$ 87 milhões

Foto: Elisa Elsie/Ascom

O Rio Grande do Norte tem 64,5% das estradas com algum tipo de problema. É o que aponta a Pesquisa de Rodovias 2022 da Confederação Nacional do Transporte (CNT), que analisou 1.879 quilômetros da malha rodoviária pavimentada do Estado e verificou que quase 2/3 das rodovias potiguares apresentam algum tipo de estrago, seja de natureza regular, ruim ou péssimo.

Problemas de sinalização, traçado da via e falta de acostamento também foram constatados. O levantamento da CNT também revela que as más condições das vias causarão um prejuízo de R$ 87,7 milhões aos transportadores somente neste ano, o que encarece o frete e consequentemente os preços dos produtos no comércio. A malha estadual possui 3.400 quilômetros e a federal 1.500 quilômetros.

O percentual de 64,5% corresponde ao estado geral das vias potiguares, composto pelas classificações: regular (40,2%), ruim (8,8%) e péssimo (15,5%). O restante da malha está em boas condições: bom (28,4%) e ótimo (7,1%). Em relação a 2021, o Estado Geral das rodovias do RN apresentou melhora de 2,6 pontos percentuais.

Em geral, o resultado desta avaliação está diretamente associado ao volume de investimento destinado à manutenção, à restauração e à conservação das rodovias. De acordo com a pesquisa CNT – publicada em outubro último – seriam necessários investir R$ 767,89 milhões para recuperar as rodovias do Rio Grande do Norte com ações de restauração e reconstrução.

Tribuna do Norte

AlphaColor_Lateral
WebRadio_Site_Movel
WebRadio_APP
RadiosNet_Fixo
JM-VARIEDADES
DN_Servicos_Fixo_2
Ediuny_Oliveira_Live
CX_Radios_Fixo
Almoçando com Musicas
Guedes-Motos
Cartão
MercadinhoDeusProvera
Copiadora-Miranda_Banner_B
App
AlphaColor_Lateral
OpticaEmporio
Casa Durval Paiva_Fixo
Eduardo-Auto-Pecas
Show da Manha
MiniprecoFixo
Drogaria Betesta
Pizzaria_Hamburgueria_AguasMare
Anuncie Aqui
Radios_Online_Fixo
Pagode & Cia_Lateral
HSHOT_500
Radio_Box_Fixo