Guamare News

1ª Parcela: Governo vai antecipar 40% do 13º salário apenas para ativos da Educação, excluindo aposentados e pensionistas

Imagem editada

Para o Sindicato dos Trabalhadores do Serviço Público da Administração Direta do Estado do Rio Grande do Norte (Sinsp-RN), mais uma vez o Governo do Estado demonstra desprezo com servidores aposentados e pensionistas, os excluindo da antecipação do 13° salário de 2022, e concedendo o benefício somente aos servidores ativos que atuam na Educação. Desprezando também servidores de todas as outras secretarias.

Segundo o Sinsp, “a escolha absurda do governo é uma negativa para todos os servidores inativos e para todos os que ainda atuam no serviço público nas demais secretarias. Servidores ativos da Eucação já visualizam a antecipação nos seus contrachques”.

A previsão é que o pagamento aconteça na mesma data do salário de junho, dia 30, por meio de uma folha suplementar.

O Sinsp cobra do Estado o mesmo tratamento para os aposentados, pensionistas e servidores ativos das demais secretarias. “Lutamos pela antecipação de parte do 13° salário para este mês de junho, e não só para Educação, pois todos os servidores, sejam da ativa ou inativos devem ser tratados da mesma maneira. Todos cumprem ou já cumpriram seus deveres no serviço público e têm contas a pagar”, destaca o sindicato em postagem no seu portal de notícias.

O Sinsp encaminhou o pedido para o governo no dia 23 de maio, mas não obteve retorno. “A solicitação foi encaminhada à govenadora Fátima Bezerra, ao secretário de Planejamento, Aldemir Freire, e ao secretário chefe do Gabinete Civil, Raimundo Alves. No pedido, o sindicato deixa claro que a antecipação deve ser destinada a todos os servidores ativos, aposentados e pensionistas”, cobra.

“O Sinsp luta para que o governo altere sua posição e que ainda em junho todos tenham acesso aos 40% do seu 13° salário”, conclui a matéria. Costa Branca News.

Comente!!! Participe de nosso blog!!!